domingo, 27 de maio de 2012

Gente fina e séria...

Diz um político num comício….
-Eu, sim!...Eu sou um político incorrupto!
Por estes bolsos nunca passou…dinheiro desonesto…

Alguém da assistência:
-Epá…comprou um fato novo…

O pressentimento...

Um homem vai ao quarto do filho para lhe dar boa noite e repara que o miúdo está a ter um pesadelo.
O pai acorda-o e pergunta-lhe se ele está bem.
O filho responde que está com medo, porque sonhou que a tia Susana tinha morrido.
O pai garante que a tia Susana está muito bem e manda-o de novo dormir.
No dia seguinte a tia Susana morre.

Uma semana depois, o homem volta de novo ao quarto do filho para lhe dar boa noite.
O miúdo está novamente a ter um pesadelo, e desta vez diz que sonhou que o avô tinha morrido.
No dia seguinte o avô morre.

Mais uma semana, o homem volta de novo ao quarto do filho, quando o miúdo está de novo com um pesadelo. Desta vez o filho diz que sonhou que o pai tinha morrido…
O pai garante que está muito bem e pede-lhe que durma descansado.

No dia seguinte ele está apavorado. Tem certeza de que vai morrer.
Sai para o trabalho e conduz com o maior cuidado para evitar um acidente. Não almoça com medo de veneno; evita as pessoas com medo de ser assassinado, tem um sobressalto a cada rua…

Ao chegar a casa, encontra a esposa e diz:
-Meu Deus…Tive o pior dia da minha vida!

A esposa responde:
Realmente…Imagina que hoje de manhã, o nosso canalizador foi atropelado aqui na rua e morreu!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

A barriga dos "nossos representantes"

Menu de luxo na Assembleia da República
(Notícia do CM em “fornecimento de refeições”)

Perdiz, porco preto alimentado a bolota e lebre são alguns dos produtos exigidos pelo Caderno de Encargos do concurso público para fornecer refeições e explorar as cafetarias do Parlamento.

Das exigências para a confecção das ementas de deputados e funcionários constam ainda pratos com bacalhau do Atlântico, pombo torcaz e rola, de acordo com o documento a que o CM teve ontem acesso.

O café a fornecer deverá ser de "1ª qualidade" e os candidatos ao concurso têm ainda de oferecer quatro opções de whisky de 20 anos e oito de licores. No vinho, são exigidas 12 variedades de Verde e 15 de tintos alentejanos e do Douro.

É também especificado que o mesmo prato não deve ser repetido num prazo de duas semanas. O Caderno de Encargos do concurso, que termina em Junho, estabelece que a qualidade dos produtos vale 50%, o preço 30% e a manutenção 20%.

“Por cada Deputado alimentado com estas iguarias de luxo, são milhares os que vão diariamente à sopa dos pobres. Que a fome e o desemprego não adormeça os portugueses e os faça esquecer na votação das próximas eleições”

Não pense que já viu tudo!...

video

quinta-feira, 24 de maio de 2012

O Joãozinho na escola...

Na ilha da Madeira, chega um menino á beira da professora e diz:
-Sra. Professora, a minha coelha teve cinco coelhinhos e são todos P.S.D.!

-Muito bem! Olha, amanhã vem cá o Sr. Alberto João Jardim e tu conta-lhes essa história. Está bem?

-Está bem! Respondeu o joãozinho.

No dia seguinte, o Alberto João Jardim vai visitar a escola e, como combinado, a professora chama o menino. O menino dirige-se à beira do presidente e diz:

-Sr. Presidente, a minha coelha teve cinco coelhinhos e dois são do P.S.D.!

-Então, - diz intrigada a professora – não eram os cinco?

Eram, …mas três já abriram os olhos!

Diversas formas de ver a desgraça

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Resposta a uma pergunta publicitária


Há uns dias, numa cidade de França, um cartaz, com uma jovem espectacular, na montra de um ginásio, dizia:
"Este verão, queres ser sereia ou baleia?"

Dizem que uma mulher jovem-madura, cujas características físicas não interessam, respondeu à pergunta publicitária nestes termos:

"Estimados Senhores:
As baleias estão sempre rodeadas de amigos (golfinhos, leões-marinhos, humanos curiosos). Têm uma vida sexual muito activa, engravidam e têm boleiazinhas ternurentas, às quais amamentam.
Divertem-se à brava com os golfinhos, enchendo a barriga de camarões.
Brincam e nadam, sulcando os mares, conhecendo lugares tão maravilhosos como a Patagónia, o mar de Barens ou os recifes de coral da Polinésia.
As baleias cantam muito bem e até gravam CD's. São impressionantes e praticamente não têm outros predadores além dos humanos. São queridas, defendidas e admiradas por quase toda a gente.

As sereias não existem. E, se existissem, fariam fila nas consultas dos psicanalistas, porque teriam um grave problema de personalidade, "mulher ou peixe?".
Não têm vida sexual, porque matam os homens que delas se aproximam, além disso, por onde? Por isso, também não têm filhos. São bonitas, é verdade,
mas solitárias e tristes. Além disso, quem quereria aproximar-se de uma rapariga que cheira a peixaria?
Para mim está claro, quero ser baleia.

P.S.: Nesta época em que os meios de comunicação nos metem na cabeça a ideia de que apenas as magras são bonitas, prefiro desfrutar de um gelado com osmeus filhos, de um bom jantar com um homem que me faça vibrar, de um café e bolos com os meus amigos.

Com o tempo ganhamos peso, porque ao acumular tanta informação na cabeça, quando já não cabe, espalha-se pelo resto do corpo, por isso não estamosgordas, somos tremendamente cultas. A partir de hoje, *quando vir o meu rabo no espelho, pensarei, Meu Deus, que inteligente que sou..." *

Piada com graça!

Altas horas da madrugada, um casal acorda ao som insistente da campainha da porta.

O dono da casa levanta-se e, pela janela, pergunta:
-O que é que você quer?

-Olá. Eu sei que já é tarde, mas preciso que alguém me empurre. A sua casa é a única nesta região. Só você me pode empurrar!

Louco de todo, o recém-acordado replica:
-Ah! Vá-se lixar! Você está bêbado.

E volta para a cama.
 A mulher, que também acordara, não gostou da atitude do marido.

-Exagerastes! Já ficastes sem “bateria” aqui há pouco tempo. Bem podias ter ajudado o indivíduo.
-Empurrá-lo?! Ele está bêbado – desculpa-se o marido.
-Mais um motivo para o ajudares – insiste a mulher. Ele não vai conseguir andar sozinho. Logo tu, que sempre és tão prestável!...

Mordido pelos remorsos, o marido veste-se e vai para a rua.
-Hei…eu vou ajudá-lo” Onde é que está?

E o bêbado, gritando do fundo do jardim:
-Aqui, no baloiço!...

terça-feira, 22 de maio de 2012

Vergonha


Por falar em subsídios, no passado dia 21/03/2012 foi publicada no Diário da República a lista dos subsídios atribuídos pelo IFAP no 2.º semestre de 2011, tal como se havia publicado a listagem relativa ao 1.º semestre de 2011 no dia 26/09/...2011.

No ano de 2011 o IFAP atribuiu subsídios no valor de €9.823.004,34 às empresas e membros das famílias da tauromaquia:

Ortigão Costa - 1.236.214,63 €
Lupi - 980.437,77 €
Passanha - 735.847,05 €
Palha - 772.579,22 €
Ribeiro Telles - 472.777,55 €
Câmara - 915.637,78 €
Veiga Teixeira - 635.390,94 €
Freixo - 568.929,14 €
Cunhal Patrício - 172.798,71 €
Brito Paes - 441.838,32 €
Pinheiro Caldeira - 125.467,45 €
Dias Coutinho - 389.712,42 €
Cortes de Moura - 313.676,87 €
Rego Botelho - 420.673,80 €
Cardoso Charrua - 80.759,12 €
Romão Moura - 248.378,56 €
Brito Vinhas - 53.686,78 €
Romão Tenório - 283.173,89 €
Sousa Cabral - 318.257,79 €
Varela Crujo - 188.957,35 €
Assunção Coimbra - 330.789,44 €
Murteira - 137.019,76 €

Andam os canis municipais a matar cães e gatos porque não têm mais espaço para os acolher e há 10 milhões de euros aplicados na tourada só no ano de 2011? As associações vivem de CARIDADE! Tal como os velhotes que nem têm dinheiro para pagar os medicamentos com a porcaria de reforma que recebem!·
Este Verão vamos ver mais e mais florestas a arderem porque as câmaras não têm subsídios para a limpeza das mesmas, e Portugal não tem dinheiro para comprar helicópteros. Andam as esquadras da polícia podres e os carros enfiados em garagens porque não há fundos para os arranjar.·
Andam as crianças a ir para a escola sem tomar o pequeno-almoço porque há famílias que só têm dinheiro para pagar as rendas, para não dormirem na rua. Foram cortados subsídios de Natal para ajudar a pagar a dívida portuguesa ao estrangeiro.

Não há dinheiro para nada mas há 10 MILHÕES DE EUROS para a tauromaquia só num ano?

Poesia alentejana

A PILITA ALENTEJANA
Rija, enquanto durou.
Agora q'amolengou
e antes q'a morda a cobra,
Vou atá-la c'uma corda
Pra ela nã me fugiri.

Preciso da sacudiri,
Leva tempo pá'cordari
Já nem se sabe esticari.

Má lenta q'um caracoli,
Enrola-se-me no lençoli.

Ninguém a tira dali,
Já só dá em preguiçari.
Nada a faz alevantari
E já nã dá com o monti,
Nem água bebe na fonti.

Que bich'é que lhe mordeu?


Parece defunta, morreu.
Deu-lhe p'ra enjoari,
Nem lh'apetece cheirari.
Jovem, metia inveja.
Com  más gás q'uma cerveja,
Sempre pronta p'ra brincari.

Cu diga a minha Maria,
Era de nôte e de dia.

Até as mulheres da vila,
Marcavam lugar na fila,
P'ra eu lha poder mostrari!
Uma moura a trabalhari,
Motivo do mê orgulho.

Fazia cá um barulho!
Entrava pelos quintais,
Inté espantava os animais.

Eram duas, três e quatro,
Da cozinha até ao quarto
E até debaixo da cama.
Esta bicha tinha fama.

Punha tudo em alvoroço,
Desde o mê tempo de moço.
A idade nã perdoa,
Acabô-se a vida boa!

Depois de tanto caçari,
Já merece descansari.
Contava já mê avô:
"Niuma rata lhe escapou!"
É o sangui das gerações.
Mas nada de confusões,

Pois esta estória aqui escrita,

É da minha gata, a Pilita!

domingo, 20 de maio de 2012

Dez razões para visitar Portugal



A nossa história, o nosso povo, a nossa cultura…é uma parte do que temos e que pode ser visto aqui.

Lição a reter

Um homem entra no banho enquanto a sua mulher acaba de sair dele e se enxuga.
 A campainha da porta toca.
 Depois de alguns segundos de discussão para ver quem iria atender, a mulher desiste, enrola-se na toalha e desce as escadas.
 Quando abre a porta, vê o vizinho Bob na soleira. Antes que ela possa dizer qualquer coisa, Bob diz:
- Dou-lhe 800 euros se deixar cair essa toalha.

Depois de pensar por alguns segundos, a mulher deixa a toalha cair e fica nua.
Bob, então, entrega-lhe os 800 euros prometidos e vai-se embora.
 Confusa, mas excitada com a sua sorte, a mulher enrola-se novamente na toalha e volta para o quarto.
Quando entra no quarto, o marido grita do chuveiro:
- Quem era?
- Era o Bob, o vizinho da casa ao lado - diz ela.
- Óptimo! Deu-te os 800 euros que me estava a dever?


 Moral da história:
Se compartilhares informações a tempo, podes evitar exposições desnecessárias!!!

sábado, 19 de maio de 2012

Vistas panorâmicas de Lisboa


Com as maravilhas da técnica, “podemos passear” e ver locais panorâmicos de Lisboa.

Clicando na seta ou na bola amarela, identifica e mostra o local. Também pode consultar a legenda.

 Desfrute destes locais maravilhosos…aqui.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Alentejano músico e os espanhóis


Tinha acabado de chegar ao Alentejo uma excursão de espanhóis. Ao verem um alentejano, o guia, feito esperto, decide ir gozar com o alentejano. Então comunica aos passageiros:
- Ahora me voy hablar con ese portugues alentejano…

Vai ter com o alentejano e diz:
- Hola, como te llamas?

- Toino… – Responde o alentejano
Diz o espanhol:
- Yo también me llamo Antonio! Cual és tu profesión?

- Sou músico… – Responde o alentejano
Diz o espanhol:
- Yo también soy musico… Y que tocas?

Desconfiado, o alentejano lá continua a responder:
- Toco trompete, e tu?

Diz o espanhol:
- Yo también toco trompete. – e acrescenta – Una vez fue a la Fiesta de Nuestra Señora de los Remédios y toqué tan bien, que a Señora bajó del andor y empezó a llorar.

O alentejano já a topar que o espanhol estava a gozar com ele, responde:
- Eu fui uma vez à Festa do Senhor dos Passos e toquei tan bem, tan bem, que o Senhor largou a cruz, agarrou-se a mim e disse-me: “Ah, g’anda Toino! Tocaste melhor que o sacana do espanhol que fez chorar a minha mãezinha…

A despedida do padre


No jantar de despedida, depois de 25 anos de trabalho à frente da paróquia, o padre discursa:

-A primeira impressão que tive desta paróquia foi com a primeira confissão que ouvi.
A pessoa confessou ter roubado um aparelho de TV, dinheiro a seus pais, a empresa onde trabalhava, além de ter aventuras amorosas com as esposas dos amigos.
Também se dedicava ao tráfego de droga.

Fiquei assustadíssimo.

Com o passar do tempo, entretanto, conheci uma paróquia cheia de gente responsável, com valores, comprometida com a sua fé.

Atrasado, chegou então o Presidente da Câmara para prestar uma homenagem ao Padre.
Pediu desculpas pelo atraso e começou o discurso:

-Nunca vou esquecer o dia em que o Padre chegou à nossa paróquia.
Como poderia? Tive a honra de ser o primeiro a me confessar.

Seguiu-se um silêncio assustador.

Moral da História:
Nunca se atrasem. Mas quando se atrasarem, fiquem de boca fechada!

quinta-feira, 17 de maio de 2012

O frasco de maionese e café

Um professor, durante a sua aula de filosofia sem dizer uma palavra, pega num frasco de maionese e esvazia-o…tirou a maionese e encheu-o com bolas de golfe.

A seguir pergunta aos alunos se o frasco estava cheio. Os estudantes responderam sim.

O professor pega numa caixa cheia de pedrinhas e mete-as no frasco de maionese. As pedrinhas encheram os espaços vazios entre as bolas de golfe.

O professor voltou a perguntar aos alunos se o frasco estava cheio, e eles voltaram a dizer que sim.

Então…o professor pegou noutra caixa…uma caixa cheia de areia e esvaziou-a para dentro do frasco de maionese. Claro que a areia encheu todos os espaços vazios e uma vez mais o professor voltou a perguntar se o frasco estava cheio. Nesta ocasião os estudantes responderam em unânime “Sim”!

De seguida o professor acrescentou 2 chávenas de café ao frasco e claro que o café preencheu todos os espaços vazios entre a areia. Os estudantes nesta ocasião começaram a rir-se…mas repararam que o professor estava sério e disse-lhes:

-Quero que se dêem conta que este frasco representa a Vida.

As bolas de golfe são as coisas importantes: como a Família, a Saúde, os Amigos, tudo o que você ama de verdade.
São coisas, que mesmo se perdêssemos todo o resto, nossas vidas continuam cheias.

As pedrinhas são as outras coisas que importam como: o trabalho, a casa, o carro, etc.

A areia é o restante, as pequenas coisas.

Se puséssemos 1º a areia no frasco, não haveria espaço para as pedrinhas nem para as bolas de golfe.
O mesmo acontece com a vida.

Se gastássemos todo o nosso tempo e energia nas coisas pequenas, nunca teríamos lugar para as coisas realmente importantes.

Preste atenção às coisas que são cruciais para a sua felicidade.

Brinque ensinando os seus filhos, arranje tempo para ir ao médico, namore e vá com a sua/seu namorado(a), marido/mulher jantar fora.

Ocupe-se sempre e em 1º lugar das bolas de golfe, estabeleça suas prioridades, o resto é só areia…

Porém, um dos estudantes levantou a mão e perguntou o que representaria, então, o café.

O professor sorriu e disse: o café é só para vos demonstrar, que não importa o quanto a nossa vida esteja ocupada. Sempre haverá espaço para um café com um amigo.

A imaginação


Depois de um dia de conferências, muitos colegas doutores encontram-se no bar do hotel. Aí, contam as suas últimas conquistas científicas.

O Australiano começa: - Tivemos um fulano que foi atropelado e a única coisa intacta que tínhamos era o seu dedo mindinho. Pois, a nossa equipa conseguiu, pelo ADN, refazer a mão, um novo braço, um novo corpo! O paciente ficou tão capacitado que ao ter alta, tirou emprego de cinco pessoas.

Diz o Americano: - Isso não é nada. Nós tivemos o caso de um operário que caiu no reactor atómico de uma central nuclear! A única coisa que sobrou dele foi um cabelo. Pois pelo ADN dele conseguimos reconstruir completamente todo o seu corpo. Depois de ter alta, esse paciente mostrou-se tão eficiente que cinquenta pessoas perderam o emprego!

O Português pede a palavra: - O caso que vou contar é muito mais interessante. Um dia em que eu estava a andar pelo hospital senti o cheiro de uma
flatulência…Imediatamente, capturei-a num saco que levei até ao laboratório.
Chamei a minha equipa e começamos a trabalhar. Primeiro, a partir da flatulência, fizemos um ânus, em seguida reconstruímos o intestino, e depois, pouco a pouco, todo o corpo e por fim o cérebro.
O projecto desta criatura foi chamado Parvus Coelho e está a ter um desempenho tão fantástico que milhares de pessoas vão perder o emprego!

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Tango

No início do século xx o Tango era dançado entre homens, pois era vergonhoso para uma mulher ter essa oportunidade.

Foram precisos mais de 20 anos para que fosse dançado com uma mulher.

Este vídeo é uma obra de arte. O estilo uma pequena jóia…
Observem a mudança de mãos, que decide quem conduz quem… (clicar para ver)

Minhas Fotos - Cuba

terça-feira, 15 de maio de 2012

A roupa faz a diferença?


Sem maiores preocupações com o vestir, o médico conversava descontraído com o enfermeiro e o motorista da ambulância, quando uma senhora elegante chega e de forma ríspida, pergunta:
- Vocês sabem onde está o médico do hospital?
- Com tranquilidade o médico respondeu:
- Boa tarde, senhora! Em que posso ser útil?
- Ríspida, retorquiu:
- Será que o senhor é surdo? Não ouviu que estou procurando pelo médico?
- Mantendo-se calmo, contestou:
- Boa tarde, senhora! O médico sou eu, em que posso ajudá-la?!
- Como?!? O senhor?! Com essa roupa?!?...
- Ah, Senhora! Desculpe-me!
- Pensei que a senhora estivesse procurando um médico e não uma vestimenta....
- Oh! Desculpe doutor! Boa tarde! É que... Vestido assim, o senhor nem parece um médico...
- Veja bem as coisas como são...- disse o médico -... as vestes parecem não dizer muitas coisas, pois quando a vi chegando, tão bem vestida, tão elegante, pensei que a senhora fosse sorrir educadamente para todos e depois daria um simpatiquíssimo "boa tarde!"; como se vê, as roupas nem sempre dizem muito...

Moral da História:

UM DOS MAIS BELOS TRAJES DA ALMA É A EDUCAÇÃO.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Verdades que se devem ler

História infantil


A Branca de Neve, a Bruxa e o Pinóquio encontram-se na floresta.

Diz a Branca de Neve: -Sou a mais linda do mundo!
Diz a Bruxa má: -Eu sou a mais feia do mundo!
E o Pinóquio diz: -E eu sou o maior mentiroso do mundo!

Dirigem-se os três á caverna do Sábio da floresta, possuidor do Espelho mágico da verdade, para confirmarem.

A Branca de Neve sai de lá muito feliz, pois o Espelho mágico confirmou:
-Sou a mais bela do mundo.

A Bruxa má também sai feliz pois é realmente como pensava e o Espelho também confirmou:
-Sou a mais feia do mundo.

Porém, Pinóquio sai raivoso:
-Espelho estúpido… ..Mas, quem será esse Passos Coelho!!!???

Manifesto

"O manifesto abaixo indicado, circula por e-mail com identificação do autor.
Retirei a identificação por decisão pessoal, mas, por estar de acordo com o artigo, coloco a mensagem." (A.R.)
                 *****                                 *****                                     *****

Não sou Funcionário Público, mas o Estado trata-me como se eu o fosse enquanto REFORMADO.

Dizem que os Reformados não têm poder de contestação, que de nada lhes serve tomar uma atitude contestatária (uma GREVE deles é inconsequente por não afectar nada nem ninguém).

Eu não estou de acordo! E como tal, decidi tomar uma posição que traduzo no seguinte:

MANIFESTO

Considerando:

1. Que me foram retirados o 13º e 14º mês até 2018;
2. Que me reduziram a Reforma para a qual fiz descontos milionários durante uma vida de trabalho;
3. Que me foram aumentados os descontos para o IRS, o IMI, no Consumo
de Electricidade, da Água e do Gás, para a "Compensação aos  Operadores" respectivos (EDP, Tejo Energia e Turbo Gás), nos  Combustíveis, para o Investimento das Energias Renováveis, para os  custos da Autoridade da Concorrência e da ERSE, na Alimentação, na
taxa de Esgotos, para a Utilização do Subsolo, para a Rádio, para a  Televisão, para a TNT, para a Harmonização Tarifária dos Açores e  Madeira, Rendas de Passagem pelas Autarquias e Munícipes, para o  auxílio social aos calões que recebem indevida e impunemente o RSI
(Rendimento para a Inserção Social), para pagamento dos cartões de crédito de políticos, para as portagens nas SCUTS e aumento nas auto-estradas, para a recuperação de BPNs, para que os Dias Loureiros,
os Duartes Limas, os Isaltinos de Morais e quejandos depositem as  minhas economias em nome deles em offshores, para as novas taxas de  Apoio Social, para as remodeladas Taxas de Urgência nos Hospitais  Civis, para as asneiras provocadas pelas ideias megalómanas de  políticos incompetentes que criaram auto-estradas sem trânsito, para  as Contrapartidas e Compensações a Concessionários de diferentes  estruturas, para pagamento das dívidas às Parcerias Público-Privadas  durante 50 anos ou mais, etc., etc., etc., tudo recheado com 23% de  IVA (por enquanto);

4. Que, cada voto que um cidadão deposita na urna eleitoral, para além
de pôr no poleiro os espertalhões que os (se) governam, representa um  óbolo igual a 1/135 do salário mínimo nacional (actualmente em EUR485,00) a reverter para os seus cofres (1 voto = EUR3,60), a que  acrescem as subvenções às campanhas e verbas para os grupos
parlamentares.
(Lei do Financiamento dos Partidos Políticos e das Campanhas
Eleitorais: Lei n.º 19/2003, de 20 de Junho, com as alterações
introduzidas pelo Decreto-lei n.º 287/2003, de 12 de Novembro
(Declaração de Rectificação n.º 4/2004, de 9 de Janeiro), Lei n.º 64-A/2008, de 31 de Dezembro1 e Lei n.º 55/2010, de 24 de Dezembro). 5. Que esse valor é atribuído pelos quatro anos de legislatura, o que significa entregar aos partidos votados o quadruplo dessa importância
(EUR14,40), atingindo uma despesa superior a 70 milhões de euros;
Fonte:

6. Que, no caso dos votos em branco ou nulos, essa valia é distribuída por todos os partidos concorrentes às eleições;

7. E que, se eu me abstiver de votar, não há montante a ser distribuído pelos partidos concorrentes às eleições,

Eu, um cidadão de pleno direito, com todos os impostos pagos e ainda credor do Estado por taxação indevida e não devolvida em sede de IRS, embora prescindindo de uma liberdade coarctada durante quase 40 anos e restituída em 25 de Abril de 1974, decido que, dependendo do cenário político-económico, meu e do meu país, entrarei em GREVE DE ELEITORADO, e SUSPENDO O MEU DIREITO DE VOTO ATÉ 2018!