sexta-feira, 16 de junho de 2017

Não tenho comentários…


Sabe quantos americanos pensam que o leite com chocolate vem de vacas castanhas?
48% dos norte-americanos não sabe de onde vem o leite com chocolate e 7% acredita mesmo que são as vacas castanhas que o dão, ou seja, 16 milhões de pessoas.
Sete por cento da população dos Estados Unidos acredita que o leite com chocolate vem de vacas castanhas, segundo um estudo do Innovation Center of U.S. Dairy. O número parece baixo, mas ganha outra dimensão quando se percebe que corresponde a 16,4 milhões de pessoas (ler mais...)

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Trump diz adeus a Paris.

Donald Trump confirmou ontem a saída dos Estados Unidos do Acordo de Paris sobre as alterações climáticas, tornando-o num dos três países, a par da Síria e Nicarágua, que ficam fora do entendimento e distanciando-se dos seus aliados.

As grandes empresas americanas não ficaram também satisfeitas com o anúncio de Trump. Os líderes de 25 grandes empresas, num apelo de última hora, haviam endereçado uma carta ao presidente para que este mantivesse os EUA no acordo - entre eles estavam os CEO de gigantes como Apple, Google, Facebook, Microsoft e Unilever. Já o CEO da petrolífera ExxonMobil, Darren Woods, escreveu uma carta pessoal ao presidente dos EUA, na qual garantia que o país estava "bem posicionado para competir" com o estabelecido no acordo. (ler mais)

terça-feira, 23 de maio de 2017

Encontro/Convívio C.Caç.621 e Comando Sector 5 (Baucau-Timor)


Almoço/convívio dos ex. militares em Baucau/Timor nos anos de 1964/1966.
O “peso” dos anos e a falta de saúde limita estas presenças, mas continuaremos, com nossas famílias no próximo ano.
Um abraço para todos, incluindo os que não puderam estar presentes.

domingo, 21 de maio de 2017

Como eu “compreendo” a política…

Presidente dos EUA fala hoje de uma "visão pacífica" do islão num discurso diante de meia centena de líderes muçulmanos.
O dia ficou marcado pela assinatura de um acordo de venda de armas dos EUA à Arábia Saudita no valor de 110 mil milhões de dólares - que pode chegar a 350 mil milhões no prazo de dez anos. "Um investimento tremendo nos EUA e a nossa comunidade militar está muito feliz", disse o presidente. "Centenas de milhões de dólares de investimentos nos EUA e empregos, empregos, empregos. Por isso gostaria de agradecer ao povo da Arábia Saudita", acrescentou, falando de um dia "tremendo"(ler mais...)

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Vamos rir...

Um advogado conduzia distraído quando, num sinal de STOP, passa sem parar, em frente a uma viatura da GNR.
 GNR: – Ora muito boa tarde. Documentos e carta de condução, fáchavor…
 Advogado: – Mas por quê, Sr Guarda?
 GNR: – Não parou no sinal de STOP, ali atrás.
 Advogado: – Eu abrandei, e como não vinha ninguém…
 GNR: – Exactamente… Documentos e carta de condução, fáchavor…
 Advogado: – Você sabe qual é a diferença jurídica entre abrandar e parar?
 GNR: – A diferença é que a lei diz que num sinal de STOP, deve-se parar completamente. Documentos e carta de condução, fáchavor…
 Advogado: – Ou não, Sr Guarda. Eu sou advogado e sei das suas limitações na interpretação de texto de lei. Proponho-lhe o seguinte: Se você conseguir explicar-me a diferença legal entre abrandar e parar, eu mostro-lhe os documentos e você pode multar-me. Senão, vou-me embora sem multa.
 GNR: – Afirmativo, concordo… Pode fazer o favor de sair da viatura, Sr. Advogado?

O advogado desce e então a patrulha da GNR saca dos cacetes, e aquilo é porrada que até ferve, para cima do Advogado. Socos pra tudo quanto é lado, lambadas, biqueiradas nos dentes…

O advogado grita por socorro, e implora para pararem.
 E o GNR pergunta:
 – Quer que eu pare ou que abrande…!?
 Advogado: – PARE!… PARE!… PARE!…
 GNR: – Afirmativo, Documentos e carta de condução, fáchavor…

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Agora andam irritados...

A afronta de nos tomarem por parvos
(Opinião por: José Pacheco Pereira)

O secretário de Estado quer-nos convencer de algo muito mais grave: é de que não deu por ela que lhe faltavam os números do dinheiro que ia para os offshores.

O que sabemos sobre o dinheiro saído para os offshores durante a governação PSD-CDS?

Desde Passos Coelho, furioso e malcriado na Assembleia, até ao passa-culpas do anterior secretário de Estado dos Assuntos Fiscais Paulo Núncio, até ao silêncio da ex-ministra das Finanças que acha que não é nada com ela, todos estão a tomar-nos por parvos. Afinal, a culpa foi dos serviços que não fizeram a estatística devida, ou dos procedimentos informáticos, que, pelos vistos, foram modernizados só para um dos lados do escalão de rendimentos, mas que parecem funcionar muito mal no topo dos rendimentos, porque, tanto quanto eu saiba, não foram os funcionários públicos, nem os reformados, nem os empregados do comércio, nem os operários, nem os enfermeiros, nem os polícias, que colocaram o dinheiro em offshores. Aliás, já não é a primeira vez que estes tipos de implausibilidades acontecem nas finanças do Governo PSD-CDS, como foi o caso da “lista VIP”, já muito esquecido. (ler artigo complecto)

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Quando Deus fez o mundo...(humor)

Quando Deus fez o mundo, para que os homens prosperassem, decidiu conceder-lhes apenas duas virtudes.  Assim:
 - Aos Suíços fê-los estudiosos e respeitadores da lei
 - Aos Ingleses, organizados e pontuais
 - Aos Argentinos, chatos e arrogantes
 - Aos Japoneses, trabalhadores e disciplinados
 - Aos Italianos, alegres e românticos
 - Aos Franceses, cultos e com charme
 - Aos Portugueses, inteligentes, honestos e políticos
 O anjo, que secretariava as decisões de Deus, anotou…, mas logo de    seguida, cheio de humildade e medo, indagou:
 - Senhor, a todos os povos do mundo foram concedidas duas virtudes; porém, aos portugueses, o Senhor enunciou três! Isto não os fará soberbos em relação aos demais povos da Terra?
 - Muito bem observado, bom Anjo! Exclamou o Senhor... Isso é verdade!
 - Façamos então uma correcção! De agora em diante, os portugueses, povo do meu coração, manterão estas três virtudes, mas… nenhum deles poderá utilizar mais que duas simultaneamente – como os demais povos! Toma nota…
 Assim:
 - O que for político e honesto, não pode ser inteligente.
 - O que for político e inteligente, não pode ser honesto.
 - E o que for inteligente e honesto, não pode ser político!

“Palavra do Senhor”